Produtos encontrados: 3 Resultado da Pesquisa por: em 9 ms

Itens por página:

Produtos selecionados para comparar: 0Comparar

Produtos encontrados: 3 Resultado da Pesquisa por: em 9 ms

Itens por página:

Produtos selecionados para comparar: 0Comparar

Quinta de Balão

Enólogo: Eng. José Miranda.

Localizada a apenas 7 Km de Barcelos, essa charmosa Quinta está repleta de história. As primeiras referências da sua existência remontam ao século XVI, altura em que instituído o Morgadio de Balão, que na época se chamava “Quinta da Capela de Balão”. Claro que nessa época não existiam balões. A única referência histórica à palavra balão refere-se ao nome popular atribuído às balas utilizadas nos canhões da época. Também, a capela original da Quinta, pela sua forma, poderia estar na origem do seu nome. A Quinta, por lei, era um morgadio, ou seja, era uma herança do filho homem mais velho. Um dos herdeiros, Caetano de Mendanha, morreu num duelo motivado por disputas amorosas e não deixou herdeiros. Como a propriedade tinha mais de 100 hectares, um exagero para a região do Vinho Verde, foi dividida em várias frações e vendida em hasta pública em 1822.

A Quinta atual tem 22 hectares, sendo 12 de florestas e 10 de vinhas. Sua casa sede, ampliada no século XIX, é muito antiga e bonita, com as suas grossas paredes de granito típicas da arquitetura rural rústica da região. A Quinta pertence à família Novais Miranda desde 1974. Logo após a sua aquisição, a família teve como prioridades o replantio das vinhas e a reconstrução da casa e capela, restituindo à Quinta a sua secular casa e dotando-a de condições para a realização de eventos festivos. José Novais Miranda, enólogo e proprietário da Quinta de Balão, também é responsável pelos vinhos da Adega de Barcelos. Os vinhos dessa bonita e histórica vinícola apresentam uma ótima qualidade e, muito importante, têm preços muito acessíveis.