Produtos encontrados: 5 Resultado da Pesquisa por: em 5 ms

Itens por página:

Produtos selecionados para comparar: 0Comparar

Produtos encontrados: 5 Resultado da Pesquisa por: em 5 ms

Itens por página:

Produtos selecionados para comparar: 0Comparar

Monte dos Cabaços

Sub-região: Borba.

Enóloga: Susana Esteban.

O Monte dos Cabaços é o resultado da paixão e profundo conhecimento do seu casal de fundador pela gastronomia e a enologia do Alentejo. A propriedade pertencia a família de Joaquim Cabaço há gerações. Ao lado de sua esposa, a Chef Margarida Cabaço, plantou as primeiras vinhas em 1992, vendendo as uvas inicialmente a outras vinícolas da região. Em 1994, nasceu o São Rosas na histórica vila de Estremoz, que por duas décadas foi um dos melhores restaurantes do Alentejo.

Começando a perceber a importância da harmonização da comida com o vinho, e curiosa para ver o resultado, Margarida Cabaço resolveu começar a transformar as uvas que produzia em vinho. Surgiu assim o rótulo Monte dos Cabaços, em 2001, vinificado em adegas de dois amigos da família. Atualmente, as suas vinhas estão situadas na pequena aldeia de Arcos, a 6 km de Estremoz, ocupando 30 hectares que dão origem a menos de 100 mil garrafas de vinhos brancos e tintos a cada colheita. As uvas são provadas e escolhidas na vinha com os mesmos princípios que escolhia os produtos para confeccionar os pratos que fazia no São Rosas. A vindima é manual e parte da uva é pisada em lagar e o restante é fermentado em cubas de inox.

Os vinhos do Monte dos Cabaços se destacam por seu perfil encorpado com uma estrutura equilibrada, onde se privilegia a fruta fresca e madura arredondado pela madeira. Após o sucesso da linha Monte dos Cabaços, foram lançados os vinhos Margarida Branco e Tinto, uma justa homenagem a esta dama tão criativa e competente. Os vinhos Margarida são varietais e produzidos com a melhor uva branca e tinta de cada vindima.

Uma vinícola essencialmente familiar, o responsável pelos cuidados das vinhas até hoje é o Joaquim Cabaço. Para a enologia, há a consultoria da célebre Susana Esteban. Nascida na Galícia (Espanha), mas radicada e apaixonada pelo Alentejo, foi a primeira mulher a ter sido eleita “Enóloga do Ano” em Portugal.