Tapada do Chaves Branco 750ml - Caixa de Madeira
1027
Ver preço e comprar
Estamos analisando seu cadastro

Por: R$ 246,56ou X de

Comprar

Calcule o frete e o prazo de entrega estimados para sua região.

  • Tipo:

    Teste

  • País:

    --

  • Região:

    --

  • Sub-região:

    --

  • Tipo de uva:

    --

  • Teor Alcoólico:

    --

  • Tipo de caixa:

    --

  • Tipo de embalagem:

    --

  • Tamanho:

    --

  • Acidez:

    --

  • Safra:

    --

  • Ingredientes:

    --

  • Variedade de Azeitona:

    --

  • Casta:

    --

  • Observações:

    --

  • Harmonização:

    --

  • Premiação:

    --

Compre junto produtos do mesmo produtor

Tapada do Chaves

Fundação: 1901.

Região: Alentejo.

Enólogo: Pedro Baptista.

A Tapada do Chaves é uma vinícola centenária localizada em um terroir extraordinário do Alentejo, a Serra de São Mamede na sub-região de Portalegre. Em 1961, os primeiros vinhos foram engarrafados, época em que eram vendidos nos melhores restaurantes de Lisboa, o que contribuiu para o rápido reconhecimento e crescimento da marca.

Todos os seus rótulos são feitos a partir de apenas 32 hectares de vinhedos próprios distribuídos por altitudes de até 570 metros. O terroir fabuloso em que se encontra a propriedade possui uma destacada amplitude térmica que cria, juntamente com uma composição de solos única, um microclima raro e ideal para vinhos icônicos. Os seus vinhedos encontram-se sobre um maciço de granito, que aliada à sua altitude generosa, permite a maturação lenta e plena das uvas, o que se reflete em aromas muito puros e em uma frescura singular nos vinhos.

A propriedade conta também com as parcelas de vinhas mais antigas ainda em produção no Alentejo, com castas tintas plantadas em 1901 e castas brancas que datam de 1903. Ao longo de seus mais de 100 anos de história, a Tapada do Chaves se tornou uma verdadeira lenda alentejana, produzindo alguns dos vinhos de maior fama e longevidade de Portugal.

Recentemente, em 2017, a Tapada do Chaves foi adquirida por outra instituição de enorme prestígio do Alentejo, a Fundação Eugénio de Almeida. A vinícola passou a ser comandada diretamente pelo enólogo Pedro Baptista, também responsável pela Adega Cartuxa e pelo mítico Pêra Manca, e que já foi eleito “Enólogo do Ano” em Portugal.

Produtos Relacionados