Produtos encontrados: 13 Resultado da Pesquisa por: em 7 ms

Itens por página:

Produtos selecionados para comparar: 0Comparar

Produtos encontrados: 13 Resultado da Pesquisa por: em 7 ms

Itens por página:

Produtos selecionados para comparar: 0Comparar

Wine & Soul

Região: Douro.

Aldeia: Vale de Mendiz.

Enólogos: Sandra Tavares da Silva (Enóloga do Ano 2021 - Revista Grandes Escolhas) e Jorge Serôdio Borges (Enólogo do Ano 2011 - Revista Wine e 2017 - Revista de Vinhos).

A Wine & Soul foi fundada em 2001 pelo casal de enólogos mais famoso de Portugal, Sandra Tavares da Silva e Jorge Serôdio Borges, na região do Douro. O nome da vinícola é a consequência da paixão e entrega total ao vinho por ambos. Desde o princípio, o trabalho deles se focou numa incansável procura por vinhas excepcionais ao longo do Vale do Pinhão no Douro, o coração histórico dos grandes Vinhos do Porto. Sua adega está localizada na pequena aldeia de Vale de Mendiz e todos os rótulos são produzidos a partir de vinhas próprias.

Ao longo dos anos, a Wine & Soul construiu um patrimônio vitivinícola fantástico. Seus 30 hectares de vinhedos são compostos por diversas parcelas de vinhas que rondam os 100 anos de idade, que se distribuem por altitudes de 200 a 600 metros e contam com mais de 30 castas diferentes. A Quinta da Manoella, uma de suas propriedades, pertence há cinco gerações a família de Jorge Serôdio.

O portfólio da Wine & Soul é composto por alguns dos rótulos de Portugal mais celebrados mundialmente, como o Guru, Pintas e o Quinta da Manoella Vinhas Velhas. Prova disso é que o Pintas 2011, com 98 pontos, é o vinho tinto português mais bem avaliado pela Wine Spectator até hoje. A Wine & Soul também produz Portos de grande qualidade e conta com um azeite extra virgem muito especial, com uma produção anual que dificilmente ultrapassa as duas mil garrafas.

O casal também atua em outros projetos com familiares e amigos. Sandra Tavares é responsável pelos vinhos da Quinta de Chocapalha, uma das melhores vinícola de Lisboa e que pertence a sua família. Com a também enóloga Susana Esteban, faz dois vinhos únicos, de produções inferiores a cinco mil garrafas por ano, o Crochet (Douro) e o Tricot (Alentejo). Além disso, Sandra foi eleita a "Enóloga do Ano em 2021" pela conceituada Revista Grandes Escolhas. Já Jorge Serôdio, por sua vez, eleito em duas ocasiões "Enólogo do Ano" em Portugal (2011 pela Revista Wine e 2017 pela Revista de Vinhos), produz os fantásticos vinhos do M.O.B. em parceria com os também enólogos Jorge Moreira e Francisco Olazabal.